Violência contra mulher: projeto de conscientização é lançado na CMA com apoio de Seu Marcos

por Martha Costa, assessoria de imprensa do parlamentar — publicado 04/12/2019 16h24, última modificação 04/12/2019 16h24
Violência contra mulher: projeto de conscientização é lançado na CMA com apoio de Seu Marcos

Foto: Assessoria do parlamentar

O vereador Seu Marcos (PHS), em parceria com o Centro de Atendimento Operacional (CAOp) da Mulher do Ministério Público de Sergipe e do Serviço Social da Indústria (SESI), viabilizou a apresentação da "Campanha Brasileira do Laço Branco - Homens pelo Fim da Violência contra a Mulher" na Câmara Municipal de Aracaju (CMA), na manhã desta quinta-feira, 4.

As promotoras de justiça do MP/SE, Euza Missano e Cláudia Daniela de Freitas, acompanhadas pelo superintendente do Sesi, Acrísio Campos, e da representante da Coordenadoria Estadual da Mulher da Secretaria de Estado da Inclusão, da Assistência Social e do Trabalho, Valdilene Martins, apresentaram a campanha e falaram sobre os dados obtidos pelo CAOP-Mulher. Segundo elas, 65% das agressões sofridas pelas mulheres partem dos seus companheiros e 70% dos casos de violência acontecem dentro de casa.

“A campanha é uma parceria entre o MP/SE e o Sesi, em alusão ao dia 06 de dezembro, data instituída pela Lei Federal nº 11.489/2007 como “Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra a Mulher”. Queremos mais iniciativas, a exemplo da Lei 5.195/2019, do vereador Seu Marcos, que institui uma lei de prevenção, que é o ensino da Lei Maria da Penha nas escolas. Precisamos reduzir os números de mortes de mulheres em Sergipe”, disse Euza Missano.

Já a promotora do júri da capital e coordenadora do COAp Segurança do MP/SE Cláudia Daniela de Freitas exclamou sobre o Projeto “Viva Ana Paula”, que consiste na prevenção ao Feminicídio e tem como foco o fortalecimento psicológico e emocional da vítima de violência. O nome do projeto é referência a jovem Ana Paula, assassinada dentro de sua casa, de forma cruel, enquanto dormia.

Citado pelo trabalho desenvolvido a cerca do tema, por diversas vezes, durante a sessão, o vereador Seu Marcos aproveitou sua fala para reforçar a importância das políticas de prevenção. “Nunca se falou tanto de prevenção. Prevenção só com educação. Agradeço as promotoras pelo trabalho realizado e por abraçar efetivamente a lei de ensino da Lei Maria da Penha nas escolas. As políticas só são efetivadas quando os órgãos públicos de defesa trabalham em sintonia. Destaco também o trabalho da Dra. Valdilene Martins e da juíza de Direito do TJ/SE Dra. Rosa Geane e a generosidade do Sesi, na pessoa do senhor Acrísio Campos”, enfatizou.