Cabo Didi apoia reivindicação de professores da escola EMEF Santa Rita de Cassia

por Patrícia França, Assessoria de Imprensa do parlamentar — publicado 12/12/2019 12h18, última modificação 12/12/2019 12h18
Cabo Didi apoia reivindicação de professores da escola EMEF Santa Rita de Cassia

Foto: Assessoria do parlamentar

Buscando apoio para que a Escola Municipal Santa Rita Cassia, localizada no bairro América, não seja transferida, a professora Luciene Alves, esteve na manhã de ontem pedindo apoio ao vereador Cabo Didi (sem partido).

Segundo informações da professora Luciene, a escola funciona há 55 anos e tem uma história consolidada dentro da comunidade, além do melhor serviço prestado à população, o qual é constatado pelo Ideb do bairro. A escola tem hoje 1.138 alunos, com uma ótima estrutura de ensino, como também estrutura física, porém os professores foram surpreendidos pela Secretaria Municipal de Educação, que informou que uma parte da escola iria fechar e uma parte desses alunos iria para a escola reformada Carvalho Neto.

"Ficamos apreensivos com a notícia, que dizia que esta mudança é por conta da escola não ter um quantitativo suficiente de alunos para funcionar. A comunidade porém, não aprova essa mudança e quer ter o direito de escolha" .

"Por isso estamos fazendo essa reivindicação," comentou a professora, que aproveitou para pedir ao vereador Cabo Didi, que seja contrário ao Projeto de Lei 432/2019 que estabelece parâmetros para a organização das turmas da educação infantil, do ensino fundamental e da educação de jovens e adultos nas unidades de ensino mantidas pelo poder público municipal, para que este não venha passar na Câmara de Aracaju, já que essa PL fará com que haja um aumento exorbitante de alunos, fora dos parâmetros do Conselho Nacional de Educação.

"A PL encaminhada para a Câmara de Aracaju pelo prefeito, foge dos padrões, por exemplo, um berçário que tem 8 crianças passará ter até 15 crianças, quase o dobro de bebês para cuidar. Só quem não trabalha na área vai achar isso normal, mas só irá prejudicar a qualidade da Educação,"frisou a professora.

Para o parlamentar, a educação é primordial para o desenvolvimento da criança. "Irei apoiar essa reivindicação, por achar que devemos fornecer uma educação de qualidade para as nossas crianças e sei que muitos alunos em uma sala de aula prejudica no aprendizado," explicou o parlamentar.